Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Temposnotempo

Este é um blogue instrumental, feito sem veleidades. Penso nos meus alunos e na forma de o usar para lhes ser útil: experiência que se quer alimentada de experiências... e de invenções dos tempos que não temos tempo para ter...

Este é um blogue instrumental, feito sem veleidades. Penso nos meus alunos e na forma de o usar para lhes ser útil: experiência que se quer alimentada de experiências... e de invenções dos tempos que não temos tempo para ter...

Temposnotempo

16
Out08

Josefa de Óbidos (3)

temposnotempo

 

 

 

Ainda sobre a Josefa para finalizar: falei de obras sobre ela - especializadas e inacessíveis.

 

Mas temos na BE da escola obras generalistas muito úteis para quem, afinal, pretende fazer apenas um pequeno trabalho, porque está ainda a aprender e não tem muito tempo! Aí vão:

 

- História da arte portuguesa, Paulo Pereira, Círculo de Leitores, 2006, vol.7, p. 14-16;

 

- História da arte ocidental e portuguesa das origens ao final do século XX, Porto Editora, 2001, p. 576-587 (pintura do barroco); p. 614-619 (pintura do barroco em Portugal);

 

e o sempre útil: - Como reconhecer a arte barroca, Edições 70, 1984

 

 

 

 

 

Bom trabalho!... e não esqueçam: procurem divertir-se!

15
Out08

Josefa de Óbidos (2)

temposnotempo

 

 

O estudioso português mais consistente de Josefa tem sido o Dr. Vítor Serrão.

 

Sobre a obra da pintora, para além de artigos diversos, tem publicados em Portugal, três livros, infelizmente - tanto quanto julgo saber - todos fora do nosso alcance: não os possuímos na BE; e tb não os há na nossa Biblioteca Municipal.

 

O mais recente deles - de 2003 - ainda se vê pelas livrarias, mas tem um preço alto de mais para se ir a correr comprar...

 

NATUREZA MORTA: POTE E CESTOS COM QUEIJOS, FIGOS E CEREJAS

 

NATUREZA MORTA: POTE E CESTOS COM QUEIJOS, FIGOS E CEREJAS

 Dos outros...:

Josefa de Óbidos e o Tempo Barroco, é de 1993, e é o contrário: é um pequeno livrinho da Imprensa Nacional, muito acessível e recheado de informação que ainda se encontra por aí.

 e 

O Essencial Sobre Josefa de Óbidos, é de 1995 e não sei muito sobre ele...

 

CORDEIRO PASCAL

 

CORDEIRO PASCAL

11
Out08

Arte barroca em Portugal - Josefa de Óbidos (1)

temposnotempo

Falámos - à pressa... - da pintura barroca: Velasquez, Rubens, Rembrandt... como exemplos dos nomes maiores...

 

A Ronda da Noite, Rembrandt, 1642

 

Ficou uma sugestão para a Josefa de Óbidos (1630-1684): estarão, certamente,  já alguns a tratar disso. Mulher, com pai português - o pintor Baltazar Gomes Figueira - e mãe espanhola, com nascimento em Espanha mas com uma formação e vida em Portugal (ou o nome não o elucide...).

 

Ficam, como aperitivo, três trabalhos dela e, já agora, um do pai. Aguardo os vossos trabalhos... e espero ter material para publicar aqui!

                                                                                                                                          

                                                                       

Maria Madalena, 1650

 

 

Natividade, 1669

 

                                               Menino Jesus, 1673

 

 

Baltazar G. Figueira, Milagre de Santo António, c.1670-80

 

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D